Como eu venci o diabetes

Photo by Hermes Rivera on Unsplash

Pacientes com diabetes enfrentam dois problemas: dieta e exercício. É difícil dizer qual é o maior deles. Eu sou diabético, então eu tive que considerar essa questão. Foi uma surpresa completa para mim. Durante anos, eu costumava beber grandes quantidades de Old Monk (bebida alcoólica) todas as noites, mas percebendo que isso era uma coisa ruim, eu costumava neutralizá-lo bebendo grandes quantidades de glicose todas as manhãs. Era muito refrescante e ajudava com a ressaca. Muitas vezes adicionava colheradas extras para mais sabor.

Depois de vários anos mantendo esse equilíbrio no consumo de líquidos, de repente me disseram que eu tinha diabetes. Parecia muito injusto. Minha reação inicial foi de pânico. Eu fiz muita pesquisa. O bom da Internet é que não precisamos mais de médicos. Nós podemos descobrir tudo sozinhos. Quanto mais eu pesquisava, mais eu entrava em pânico. Meus pés cairiam! Eu ia ficar cego! Cada um dos meus órgãos ia falhar um por um! Eu percebi que tinha que fazer alguma coisa.

A escolha foi entre dieta e exercício. Eu tentei fazer exercício uma vez. Não me convinha. Isso me deixou com a dieta como uma opção. Foi karma. Eu passei toda a minha vida zombando daqueles que faziam dieta. Era claramente uma moda de classe alta. Eu vim de uma família onde a comida era valorizada e muito poucos de nós eram magros. Aqueles que eram magros geralmente tinham distúrbios digestivos, o que exigia que eles comessem grandes quantidades de peixe.

Como resultado disso, eu era malvado com quem fazia dietas e zombava deles. Antecipando as tendências atuais, decidi que a dieta não seria típica da Índia. A evidência me apóia. Nunca vi nenhum livro religioso falar em dietas. Na bíblia ninguém come salada. Por outro lado, o jejum é mencionado com frequência. Eu costumava debochar dessas fantasistas ocidentalizadas. Agora eu era um deles.

Eu tive que começar de algum jeito. Decidi então que seria com o café da manhã. Primeiro, substituí a manteiga por um substituto da manteiga. É impossível comer muito disso, porque tem gosto de cola. Isso tirou toda a diversão do pão, então eu parei de comer a torrada. Eu não podia comer ovos sem torradas, então larguei os ovos. Eu costumava complementar o café da manhã com o item frito ocasional, como bacon ou batatas fritas, mas minha esposa fez com que eu deixasse de comer isso também.

Então, de repente, eu passei a comer aveia e mamão. Depois de alguns anos, sou mais magro, o que significa que não estou mais em perigo. Assim, comecei a degustar as omeletes novamente. De vez em quando eu adiciono um pouco de bacon. No outro dia, eu me esgueirei em uma fritada. Não tenho mais medo de meus pés caírem e parei de cutucar meu fígado (beber). Eu conquistei o medo. Isso é tudo que você precisa fazer para derrotar o diabetes. Conquiste o medo.

 

Shovon Chowdhury

 

https://www.thehindu.com/


Similar Posts

Topo