Aplicativo para diabetes tipo 1 diz reduzir as taxas de hipoglicemia em um novo estudo

O aplicativo (App) de diabetes tipo 1 FoodPrint demonstrou reduzir as taxas de hipoglicemia em um novo teste.

A FoodPrint, criada pela Nutrino, Inc, permite que os usuários vejam como alimentos específicos afetam seus níveis de glicose no sangue, enquanto oferece dicas para ajudar os usuários a melhorar seu gerenciamento de diabetes.

O aplicativo também possui um sistema de suporte à decisão orientado para nutrientes que permite aos usuários de monitorizadores contínuos de glicose (CGMs) e bombas de insulina controlar sua resposta de glicose aos alimentos.

Nas 77ª Sessões Científicas da American Diabetes Association, os pesquisadores revelaram achados de um novo estudo piloto de seis meses que mostrou que o aplicativo ajudou a baixar as incidências de hipoglicemia.

Nutrino monitorou as leituras de glicose no sangue de uma amostra de pessoas com diabetes tipo 1 duas semanas antes do uso de FoodPrint e quatro semanas enquanto a usava.

Enquanto os níveis médios de glicose no sangue antes e depois de utilizar a aplicação eram comparáveis, as taxas de hipoglicemia entre aqueles que relataram uma hipo duas semanas antes de usar o aplicativo foram reduzidas em 18 por cento ao fim de quatro semanas.

Os participantes que não usaram o aplicativo não sofreram alterações significativas na taxa de hipoglicemia, de acordo com Ram Weiss, endocrinologista pediátrico no Centro Médico Hadassah, ”

Representa um importante passo em frente no gerenciamento da diabetes tipo 1. “Nutrino diz que o aplicativo pode ajudar a prevenir a hipoglicemia, informando aos usuários quais alimentos os enviam para fora de suas metas da glicose no sangue. Os usuários podem rastrear carboidratos na FoodPrint, mas também muito mais. O aplicativo educa os usuários sobre o conteúdo de macronutrientes da comida que eles comem o que os ajuda a calcular a dose de insulina.

Brenda Ramey, uma paciente que participou do programa beta do FoodPrint, disse na conferência: “Ser capaz de ver como insulina e a comida afetavam meu açúcar foi o melhor de tudo. Como diabética, eu sempre injetei insulina, ou fiz isso através da minha bomba , mas na verdade não conseguia ver como estava funcionando”.

“Com o aplicativo da Nutrino, posso ver minha glicose e minha insulina. Ser capaz de ver com o FoodPrint como a insulina e o açúcar afetam meu corpo me dão um quadro geral de como meu diabetes está atuando”.

 

http://www.diabetes.co.uk/

PS do Edito TiaBeth:

Maiores informações no site do desenvolvedor:

https://nutrino.co/


Similar Posts

Topo