Comer tarde pode afetar a saúde do corpo, diz estudo

O que nós comemos é importante para a saúde e bem-estar, mas as horas em que fazemos as refeições também pode provocar um grande impacto no corpo.

Um estudo publicado na revista Circulation concluiu que a hora e a frequência das refeições pode ter implicações cardiovasculares na saúde.

O corpo tem um relógio interno (ritmo circadiano) que deve ser respeitado. Comer muito tarde, quando é suposto que o corpo entre em descanso, sobrecarrega o organismo e pode, à curto e longo prazo, prejudicar os relógios individuais dos órgãos.

Comer tarde é um hábito que pode provocar aumento de peso e síndrome metabólica, alguns dos fatores de risco para problemas de saúde como doenças cardiovasculares, AVC e diabetes, segundo reporta a revista Cosmopolitan norte-americana.

Quem janta tarde tende ainda a ter, na manhã seguinte, os níveis de açúcar no sangue descontrolados, um fator de risco para diabetes tipo 2.

Mas a que horas é demasiado tarde?

Não há uma regra em relação à hora em que devemos ‘fechar a cozinha’, mas vários pesquisadores definem ‘comer tarde’ como fazer a última refeição menos de duas horas antes do horário de ir para a cama.

No entanto, há outros investigadores defendem que fazer a última refeição até às 18h traz benefícios para a saúde.

Se a sua rotina diária não lhe permite jantar cedo, não se desespere, há ainda estudos que sugerem que tentar manter um período de jejum prolongado, de 10 a 12h entre a última refeição do dia e a primeira do dia seguinte, pode ser benéfico para a saúde.

 

https://www.noticiasaominuto.com/


Similar Posts

Topo