Novo dispositivo desenvolvido no Japão pode ajudar no tratamento da diabetes tipo 2

kunamoto

Cientistas do Japão desenvolveram um dispositivo médico vestível que pode ajudar as pessoas idosas ou com sobrepeso a perder gordura e tratar a diabetes tipo 2.

O dispositivo desenvolvido pela Universidade de Kumamoto afeta a perda de gordura visceral e melhora a glicemia (açúcar), ajudando as pessoas com sobrepeso ou idosos na prática do exercício, que é eficaz para o tratamento da diabetes.

A diabetes tipo 2 é uma doença causada pela falência orgânica devido à hiperglicemia crônica e inflamação devido a acumulação de excesso de gordura visceral.

dispositivo-jp

Desordens metabólicas, tais como a hiperglicemia atenuam a resistência do corpo humano à ação da insulina.

A resposta ao choque térmico (HSR) é ativada pela reação ao estresse no corpo humano, mas sua função é diminuída em pessoas com diabetes tipo 2.

Uma equipe de pesquisadores da universidade descobriu que, restaurando a função da HSP72 – principal proteína do HSR – melhorava as anormalidades referentes à glicose.

Os pesquisadores desenvolveram um dispositivo médico, tipo de cinto, que usa um tipo especial de borracha.

“Este dispositivo é muito fácil de usar, uma vez que simplesmente vai anexo ao abdômen e não provoca incômodo ao paciente”.

” Pode-se esperar que os efeitos sejam semelhantes a fazer uma ginástica”, disse Tatsuya Kondo, que liderou a pesquisa em uma declaração.

A equipe, então, realizou um estudo clínico junto a 40 homens obesos que sofrem de diabetes tipo 2.

Os resultados mostraram uma diminuição dos níveis de glicose em jejum, uma perda da gordura visceral, melhora da resistência à insulina e uma melhoria significativa nos valores de hemoglobina glicada (HbA1c).

“Mesmo em pacientes que têm dificuldade em se exercitar, como aqueles que estão acima do peso, idosos, com neuropatia, ou que tenham algum tipo de deficiência, este dispositivo pode ser uma esperança em fornecer tratamento aceitável, além de assistência médica diabética convencional”, acrescentou Tatsuya.

A pesquisa foi publicada em Scientific Reports.

 

http://www.punemirror.indiatimes.com/


Similar Posts

Topo