10 dicas para aplicar insulina com mais conforto

seringa-insulina

Milhões de pessoas aplicam insulina uma ou mais vezes ao dia para promover o controle glicêmico. A técnica correta de aplicação é imprescindível para o tratamento do diabetes, assim como as mudanças necessárias de hábito de vida: a insulina é essencial para quem tem Diabetes Mellitus Tipo 1, e a solução para o bom controle glicêmico de algumas pessoas com Diabetes Mellitus Tipo 2.

A empresa de tecnologia médica BD compartilha alguns cuidados para uma aplicação mais confortável de insulina:

  1. Manter a insulina em uso em temperatura ambiente, ou se conservada sob refrigeração, retirá-la da geladeira entre 15 e 30 minutos antes do uso.
  2. Utilizar uma agulha nova em cada aplicação.
  3. Realizar a higienização da pele com álcool 70% e esperar secar completamente antes de iniciar a aplicação.
  4. Aplicar a insulina nos locais recomendados: abdome (regiões laterais direita e esquerda, distantes três dedos* do umbigo), coxas (região frontal e lateral externa, três dedos* abaixo da virilha e três dedos* acima do joelho), braços (região posterior três dedos* abaixo da axila e três dedos* acima do cotovelo) e nádegas (região superior externa). *Dedos da pessoa que usa insulina.
  5. Introduzir a agulha na pele com movimento rápido e não movimentar a agulha durante a injeção. Injetar o medicamento lentamente.
  6. Caso ocorra sangramento, fazer uma leve pressão no local por alguns segundos. Não massagear.
  7. Dar preferência a agulhas mais curtas e finas, que evitam a aplicação no músculo: a insulina deve ser aplicada no tecido subcutâneo, que está localizado abaixo da pele e acima do músculo, para absorção gradativa, proporcionando ação contínua e eficaz da insulina. As agulhas curtas facilitam a técnica de aplicação, pois muitas vezes dispensam a realização da prega subcutânea (movimento de pinça com os dedos polegar e indicador sobre a pele para evidenciar o tecido subcutâneo).
  8. Se a insulina for aplicada no músculo ou na pele, intensificar os testes de glicemia capilar. Caso identifique alterações importantes, procure ajuda de um profissional de saúde.
  9. Fazer um rodízio entre as regiões para aplicação da insulina, para prevenir a lipo-hipertrofia, deformidade no tecido subcutâneo, que prejudica a absorção da insulina, causando hiperglicemia. Para planejar o rodízio corretamente, considere o número de aplicações diárias, atividades do dia a dia e exercícios físicos.
  10. Se observar vermelhidão, inchaço, endurecimento ou sentir dor em algum ponto, no momento da aplicação, evite este local: isso irá prevenir a má absorção da insulina e possíveis alterações nos níveis glicêmicos. Converse com um profissional de saúde!
TiaBeth aplicando sua injeção de insulina com conforto e segurança :)
TiaBeth aplicando sua injeção de insulina pela noite em um barzinho no Rio

Para mais detalhes sobre a prática de preparo e aplicação de insulina, acesse o manual completo, clicando aqui. Sempre consulte o seu médico para saber todos os cuidados.

Ainda é possível encontrar mais dicas de qualidade de vida na página do Facebook Vivendo bem com Diabetes, mantida pela BD. A BD também tem um website voltado exclusivamente para a área de diabetes, com informações sobre monitoramento de glicemia, dietas, exercícios, adesão ao tratamento e tratamentos via oral e com insulina.

 Sobre a BD

A BD é uma empresa global de tecnologia médica que produz e comercializa suprimentos médicos, anticorpos, reagentes, equipamentos e dispositivos para laboratórios e hospitais. Fundada em 1987 e sediada em New Jersey (EUA), a companhia se destaca em dois segmentos: BD Medical e BD Life Sciences. Em 2016, a BD completa 60 anos de presença no Brasil, com um escritório em São Paulo e duas unidades fabris no país: Juiz de Fora (MG) e Curitiba (PR).

Pautada em qualidade, segurança e inovação, a BD expandiu-se rapidamente e foi uma das primeiras a fabricar no território brasileiro seringas descartáveis, tubos para coleta de sangue a vácuo e seringas para insulina, contribuindo significativamente para uma melhor qualidade de vida dos pacientes. A companhia vem se destacado no mercado de diagnósticos com equipamentos de alta tecnologia que agilizam resultados de exames cada vez mais precisos.

Diversas patologias estão relacionadas ao portfólio da BD, como câncer, AIDS, tuberculose, diabetes e infecções. Uma das prioridades da BD é oferecer produtos que garantam segurança e conforto aos pacientes e profissionais de saúde, além de resultados confiáveis para os médicos seguirem condutas clínicas mais assertivas e ganhos de produtividade para laboratórios e hospitais.

Para mais informações, acesse www.bd.com.br

 


Similar Posts

Topo