Para mulheres com diabetes, água emagrece mais que bebidas dietéticas, diz estudo

mulher-exercicio

Beber água em vez de bebidas dietéticas pode ajudar às mulheres com diabetes tipo 2 a perder mais peso, revelou um novo estudo.

A pesquisa, realizada por cientistas da Universidade de Nottingham e da Universidade de Ciências Médicas de Teerã, descobriu que mulheres com diabetes tipo 2 perderam mais peso quando bebiam água em vez de bebidas dietéticas durante um período de 24 semanas.

Muitas pessoas com diabetes costumam beber bebidas gaseificadas com baixos teores de açúcar, como Diet Coke ou Pepsi Max, para ajudar a controlar os seus níveis de açúcar no sangue durante todo o dia.

Os dois grupos com 81 mulheres cada, que estavam acima do peso ou obesas e queriam perder peso, foram recrutadas pela Clínica NovinDiet em Teerã, sendo que todas tomavam a mesma medicação, continuavam a beber a quantidade habitual de bebidas dietéticas e eram saudavelmente não-fumantes.

Dr. Hamid Farshchi, da Escola das Ciências da Vida da Universidade de Nottingham, disse que as mulheres que bebiam água perderam mais 1,16 kg do que as mulheres que bebiam bebidas dietéticas.

“Nossos resultados são muito interessantes”, disse ele. “Eles mostram que as mulheres que bebem água após a sua principal refeição na hora do almoço durante 24 semanas perderam em média 1,16 kg mais do que as mulheres que bebiam bebidas dietéticas após a sua refeição”.

“Nós pensamos que bebendo água em vez de bebidas diet com sabor doce, as mulheres podem aderir melhor à dieta de perda de peso, porque os adoçantes artificiais aumentam o desejo por alimentos altamente açucarados e mais energéticos. Nós também descobrimos que as mulheres que bebiam água alcançavam uma melhora mais acentuada na sensibilidade à insulina”.

As mulheres seguiram uma dieta hipo-energética com sua opção de bebida pós-almoço durante 24 semanas com o objetivo de perda de 7-10 por cento do seu peso corporal, a uma taxa de 0,5 a 1 kg por semana. Um programa de atividade física também foi realizado, e sua intensidade foi sendo aumentada gradualmente durante o estudo para atingir 60 minutos de atividade moderada, cinco dias por semana.

O peso de cada uma foi medido no início, meio e final do estudo. O professor de fisiologia metabólica na universidade, Ian Macdonald, disse que mais pesquisas são necessárias para explorar os resultados.

“Muitas pessoas obesas que tentam perder peso acreditam que bebidas de baixas calorias ou bebidas dietéticas podem ajudá-los a perder peso”, disse ele.

“Este estudo mostra que, enquanto ainda podem perder peso, elas podem não estar perdendo tanto quanto o fariam se bebessem água no lugar de bebidas dietéticas”.

“Nossos resultados também põe em dúvidas se o consumo de bebidas de dieta é a forma mais eficaz para as pessoas com diabetes administrarem a sua condição, mas uma vez que o consumo de refrigerante diet é maior entre as pessoas com diabetes, as possíveis implicações do nosso estudo precisam ser escaladas para mais e maiores pesquisas”.

Os resultados foram publicados na revista Diabetes, Obesity and Metabolism.

 

http://www.nottinghampost.com/


Similar Posts

Deixe uma resposta

Topo