Nova bebida super-energética poderia tratar diabetes tipo 2

A bebida contém glicose e cetonas, que ajudam as pessoas com diabetes tipo 2 através da redução dos níveis de ácidos graxos no sangue
A bebida contém glicose e cetonas, e apesar da glicose, ela poderia ajudar pessoas com diabetes tipo 2 através da redução dos níveis de ácidos graxos no sangue

Uma bebida energética desenvolvida para melhorar o desempenho de soldados e atletas poderia ser usada para tratar pessoas com diabetes tipo 2 na Grã-Bretanha custando pouco mais de £ 1 a garrafa dentro de até três anos.

A bebida, projetada para ajudar os soldados norte-americanos a suportarem uma batalha, contém cetonas, um ácido produzido pelo corpo quando ele entra em um estado de inanição.

Um estudo da Universidade de Oxford fizeram um teste de tempo com alguns ciclistas. Aqueles que beberam o líquido, uma mistura de cetonas e glicose, pedalaram um quarto de milha mais rápidos no teste de meia hora do que aqueles que não tomaram. O estudo contou com 39 atletas, incluídos ex-atletas olímpicos. Os participantes receberam 0,5 g de cetona para cada quilo que pesava, aproximadamente 100 ml da bebida para uma pessoa 80 kg. A bebida é a primeira forma oral de cetona a ser produzida.

Cetonas são produzidas no fígado à partir de depósitos de gordura e são a forma natural do corpo de lidar com a fome. Quando o corpo não recebe combustível suficiente dos alimentos, as gorduras armazenadas internamente são quebradas para alimentar o cérebro.

“Os corpos cetônicos surgem depois de vários dias sem comer”, disse Kieran Clarke, uma bioquímica da Universidade de Oxford. “Quando o corpo está faminto elas vêm para o resgate.”

A equipe da professora Clarke criou a bebida como parte de um pedido de US $ 10 milhões feito pelo exército dos EUA para desenvolver um alimento mais eficiente para os soldados.

“É o próprio mecanismo natural do nosso corpo que nos mantém vivos”, disse ela. “Certas dietas, como a Atkins ou outras de baixo carboidrato, fazem aumentar as cetonas, mas não nos casos para os extremos de fome”.

A bebida, conhecida como “G”, foi aprovada como segura para o consumo pela Agência Federal de Drogas (FDA). Ela estará à venda em breve para o público americano e os criadores esperam que ela esteja disponível na Grã-Bretanha pouco depois.

No entanto, seus benefícios não se limitam à performance esportiva e os pesquisadores de Oxford esperam que, em breve, ela seja usada para tratar doenças comuns.

“A ideia começou como uma maneira de tratar os pacientes”, disse a professora Clarke. “Cetona é extremamente benéfica para as pessoas com diabetes tipo 2, porque ajuda a diminuir os níveis de ácidos graxos no sangue. A bebida pode ser tomada juntamente com uma dieta de baixo teor de açúcar para ajudar a gerenciar a condição”.

Crianças com epilepsia que não respondem à medicação, cerca de 30 por cento dos doentes, também poderiam se beneficiar da bebida, ela disse. “Eles poderiam tomar desta bebida a cada dia e comer normalmente”.

Ela espera ver a bebida disponível para uso supervisionado dentro de três anos e previu que custará £ 1 (R$ 4,00) a garrafa.

 

http://www.thetimes.co.uk/


Similar Posts

Topo