Chaves para uma gestão bem sucedida da diabetes

gerenciar-diabetes

Você certamente está consciente da crescente epidemia que a diabetes, particularmente a do tipo 2, se tornou. É difícil ligar a internet sem tropeçar em cima de um artigo online com alguns novos detalhes sobre um estudo em curso da doença e como ela pode ser melhor tratada. Mas o impacto generalizado que o diabetes tem atualmente, definitivamente merece a atenção que tem recebido.

Cerca de 30 milhões de adultos e crianças só nos Estados Unidos têm diabetes, e outros 86 milhões têm pré-diabetes, o que significa que estão em risco de desenvolver diabetes tipo 2. Ainda mais chocante são as estimativas recentes de que, se não tomarmos alguma ação significativa, um em cada três americanos terá diabetes no ano de 2050.

Nutricionista do Blount Memorial e educadora certificada de diabetes, Angie Tillman diz que os casos de diabetes podem estar em ascensão, mas há duas principais formas de prevenir ou reduzir drasticamente o risco de desenvolver a doença. “Pode ser assustador pensar que muitos de nós têm pré-diabetes e sequer está sabendo disso”, disse Tillman. “No entanto, existem duas coisas muito importantes que você pode fazer agora para reduzir esse risco. A primeira é manter um peso saudável. A segunda é lembrar-se de se exercitar por pelo menos 30 minutos por dia durante vários dias por semana “, explicou ela.

“No entanto, se você já tem diabetes, há quatro coisas importantes que podem ajudá-lo a gerenciar com sucesso a doença”, disse Tillman.

Primeiro, você definitivamente deve se tornar um participante ativo em seus cuidados. Conheça os seus números, e acompanhar as flutuações. E, você precisa construir um relacionamento com o seu médico. Lembre-se, ele é seu parceiro na sua saúde e bem-estar.

“Em segundo lugar, dê pequenos passos para perder peso, se você precisa. Isso pode ser muito mais fácil do que tentar perder muito peso, o que realmente pode ser benéfico. Comece por cortar bebidas açucaradas, comer mais frutas e verduras, evitando pular refeições e controlando o tamanho da parcela, particularmente quando se trata de alimentos que são pesados em carboidratos”, disse ela.

“Em terceiro lugar, faça mais atividade física“, continuou Tillman. “Isto é verdade para todos nós, realmente, porque quase todos nós podemos nos beneficiar de mais exercícios. No entanto, isto é  particularmente importante para pacientes com diabetes. O objetivo deve ser o de fazer ao menos 150 minutos de atividade física por semana, mas pouco exercício é melhor do que nenhum. Comece onde você está e trabalhe até chegar à este número.

Finalmente, procure ajuda de médicos especialistas, educadores de diabetes particularmente certificados. Os educadores podem trabalhar em conjunto com o seu médico, bem como lhe proporcionar mais tempo num atendimento pessoal particular. Isso dará tempo para ajudá-lo a entender quais as suas necessidades de cuidados, bem como a forma como você pode gerenciar melhor o seu próprio diabetes”, acrescentou.

 

http://www.thedailytimes.com/


Similar Posts

Topo