Estudo mostra que cirurgia de bypass gástrico reverte diabetes tipo 2

assistente-cirurgia

Existe uma boa notícia para as pessoas com diabetes tipo 2 que têm lutado para controlar seus níveis de açúcar no sangue, mesmo depois de fazer uso de vários medicamentos e insulina. Um cirurgião de Pune, Índia, apresentou na semana passada, um estudo durante sessão científica da Reunião Anual da American Diabetes Association (ADA) em Nova Orleans, mostrando que uma cirurgia, normalmente indicada para redução de peso, pode ajudar no controle da doença crônica.

Com o estudo, ele ganhou o prêmio ‘The Vivian Award Fonseca Scholar”, que é concedido a algumas pesquisas sobre diabetes realizadas entre os povos do Sul da Ásia, populações havaianas e das ilhas do Pacífico, nativo asiático-americano, nativo e / ou realizadas por um cientista dessas áreas.

No estudo, o cirurgião realizou a cirurgia de bypass gástrico em 40 pacientes com diabetes. No pós-cirurgia, o estudo mostrou que mais de 60% dos pacientes não precisou mais de medicamentos para controlar os níveis de açúcar no sangue, enquanto que apenas alguns deles necessitou de uma dose menor. Porém todos alcançaram níveis normais de açúcar no sangue.

O Dr Shashank Shah, o cirurgião em questão, que é o presidente da Associação da Índia para o Avanço da Pesquisa em Obesidade (AIAARO), disse: “Em 2009, foi realizado um estudo piloto, onde cerca de 15 pacientes com diabetes tipo 2 foram submetidos à cirurgia de bypass gástrico e mostrou boa resultados. Eles abandonaram a medicação e seu nível de açúcar no sangue ficou sob controle. Em seguida, o estudo foi publicado na revista Cirurgia para Obesidade e Doenças Relacionadas (SOARD). Ele desencadeou um debate e todo mundo disse que há necessidade de mais dados. Nós em seguida, começamos a trabalhar neste mesmo tema”.

Shah, que está envolvido em cirurgia bariátrica nos últimos 15 anos, disse que, para o estudo, 80 pessoas com diabetes tipo 2 que estavam tomando vários medicamentos ou insulina foram inscritos. “Dos 80, 40 foram submetidos a cirurgia e 40 foram colocados em uso de medicação. O período de estudo foi de 2010-15”, disse Shah.

Além de Shah, o Dr. Jayshree Todkar e dois endocrinologistas, Dr. Uday Phadke de Pune e Dr. David Cummings, da Universidade de Washington, também estavam envolvidos no estudo.

 

http://www.dnaindia.com/


Similar Posts

Deixe uma resposta

Topo