Semaglutide, nova droga para diabetes tipo 2, atinge objetivo em seu último estudo

novo-nordisk2

A farmacêutica Novo Nordisk anunciou que sua nova droga, semaglutide, reduziu com sucesso os níveis HbA1c em um novo estudo envolvendo pacientes com diabetes tipo 2.

Semaglutide é um novo análogo glucagon-like peptídeo-1 (GLP-1) que promete melhorar os níveis de glicose no sangue de pacientes com diabetes tipo 2 e que têm um baixo risco de causar hipoglicemia. A droga é administrada por via subcutânea uma vez por semana.

Estes resultados foram as principais novidades da quinta fase do 3a estudo clínico SUSTAIN 5. Neste novo estudo, a eficácia e segurança de 0,5mg e 1,0mg de semaglutide foram comparadas com placebo tomado junto à insulina basal sozinho ou insulina basal em combinação com metformina.

397 pessoas com diabetes tipo 2 receberam o tratamento durante 30 semanas. Os pacientes tratados com 0,5 mg e 1,0 mg de semaglutide conseguiram reduções médias no HbA1c de 1,4 por cento e 1,8 por cento respectivamente.

A HbA1c média da linha de base desses participantes foi de 65,0 mmol / mol (8,4 por cento). Em comparação, os participantes que tomaram placebo só alcançaram 0,1 por cento de melhoria. Além disso, os pacientes que tomaram semaglutide, estatisticamente experimentaram significativa perda de peso de 3,7 kg (a partir da dose de 0,5 mg) e 6,4 kg (na dose de 1,0 mg) em comparação com a perda de peso de 1,4 kg entre os pacientes tratados com placebo.

As pessoas que tomavam insulina também foram capazes de reduzir as suas doses entre 10 e 15 por cento, respectivamente, em comparação com 3,0 por cento para o grupo placebo.

A taxa de descontinuação devido a efeitos adversos foi de 5,0 e 6,0 por cento para aqueles que tomavam 0,5 mg e 1,0 . mg de semaglutide, em comparação com 1,0 por cento no grupo placebo.

Mads Krogsgaard Thomsen, vice-presidente executivo e chefe do laboratório de ciências da Novo Nordisk , disse: “Estamos muito animados à respeito dos resultados de SUSTAIN 5, que mostrou uma eficácia superior no controle da glicemia e perda de peso com semaglutide administrada uma vez por semana em pacientes inadequadamente controlados com insulina basal”.

“Os resultados do primeiro de estudo SUSTAIN 5, apontam potencial de amplo uso da semaglutide em pessoas com diabetes tipo 2, visto que os resultados têm sido consistentes junto às pessoas tanto com diabetes de início, bem como aquelas com diabetes tipo 2 em estágio avançado”.

O último estudo SUSTAIN, o SUSTAIN 6, será uma experimento de dois anos que irá avaliar os resultados cardiovasculares de saúde e outras possíveis complicações de longo prazo com semaglutide em 3.297 pessoas com diabetes tipo 2.

Novo Nordisk espera anunciar os resultados do estudo no primeiro semestre de 2016.

 

http://www.diabetes.co.uk/


Similar Posts

Topo