Como a diabetes pode afetar sua pele

problema-pele2

Diabetes pode afetar qualquer parte do corpo, inclusive a pele. Cerca de um terço das pessoas com diabetes irá desenvolver problemas de pele em algum momento de suas vidas. De fato, alguns problemas de pele podem ser um sinal de alerta do diabetes. A boa notícia é que a maioria das doenças da pele pode ser tratada facilmente quando diagnosticada no início. Manter o controle adequado do seu nível de açúcar no sangue (glicose) pode evitar problemas de pele e muitos outros sintomas diabéticos, mas a pele em primeiro lugar. Alguns problemas relacionados com a pele devido à diabetes são fáceis de ver e outros um pouco mais difícil.

Sinais Visíveis

  • Pele seca, coceira
  • Cura lenta de cortes e feridas
  • Neuropatia periférica, que muitas vezes causa dor maçante ou afiada, perda de sono, falta de sensibilidade (especialmente nos pés, pernas e mãos), dormência e perda de sensibilidade a temperaturas extremas (quentes ou frios); todos os quais podem causar problemas de mobilidade, como perda de equilíbrio ou dificuldade em caminhar
  • Infecções de pele
  • Perda de elasticidade da pele e tom de desidratação e má circulação sanguínea
  • Aumento da sensibilidade ao sol e luz ultravioleta

Aqui estão algumas maneiras que podem ajudar você a evitar problemas de pele:

  • Depois de se lavar com sabão neutro, enxaguar e secar completamente cada canto e recanto do seu corpo.
  • Se quiser manter sua pele úmida usando uma loção ou creme depois de lavar, pergunte ao seu dermatologista para sugerir uma boa loção. Mantenha uma garrafa de loção perto da pia para que você possa usá-lo depois de lavar as mãos. Você deve usar um hidratante neutro sem perfume.
  • Evite banhos de chuveiro muito quentes, pois podem secar a pele. A exposição prolongada à água suaviza a pele dos pés e a torna mais propensa a ser perfurada.
  • Inspecione seu corpo para encontrar manchas vermelhas, bolhas e feridas que podem levar à infecção.
  • Procure quaisquer calombos ou mudanças na aparência de seus pés. Consulte o seu médico pelo menos duas vezes por ano.
  • Trate dos cortes imediatamente. Lave os pequenos cortes com água e sabão.
  • Aplique protetor labial para evitar lábios rachados.
  • Cuide bem de seus pés. Observe-os todos os dias em busca de feridas e cortes. Utilize sapatos baixos que se encaixam bem. Verifique se há objetos estranhos nele antes de colocá-los.
  • Mantenha seus níveis de glicose no sangue o mais próximo possível do normal.
  • Controle a pressão arterial e colesterol tomando medicamentos prescritos, o que irá melhorar a circulação e manter sua pele saudável.
  • Beba muito líquido sem cafeína, tipo bebidas sem açúcar não gasosas e água para manter a pele hidratada.
  • Coma alimentos ricos em ômega-3, ácidos graxos, que nutrem a pele. Isso inclui peixes como salmão, sardinha, atum e cavala, bem como tofu e outras formas de soja, nozes, semente de linhaça e seus óleos.

Você ficará muito menos propenso a desenvolver problemas se cuidar bem de sua pele, mantendo um nível saudável de glicose no sangue, da pressão arterial e do colesterol  (lípidos).

Consulte um dermatologista sobre problemas de pele e procure por um imediatamente se perceber que o tempo de cicatrização de qualquer ferida é lento.

Prevenção, como dizem, é o melhor remédio.

 

Dr Chytra V Anand é dermatologista clínica

 

http://www.newindianexpress.com/


Similar Posts

Topo