Cientistas dizem que o açúcar é o principal causa da diabetes e obesidade

"Uma caloria de açúcar é muito mais prejudicial", diz o pesquisador-chefe
“Uma caloria de açúcar é muito mais prejudicial”, diz o pesquisador-chefe

A principal razão para o diabetes tipo 2 é o açúcar, de acordo com um novo relatório.

No relatório, publicado quinta-feira na Mayo Clinic Proceedings, uma equipe de pesquisadores realizou uma revisão da literatura para determinar se certos ingredientes são mais perigosos do que outros quando se trata de diabetes, e para desafiar a ideia de que todas as calorias são iguais. Para isso, eles analisaram os efeitos de carboidratos com calorias semelhantes. Eles compararam o amido, glicose pura e lactose aos açúcares adicionados, como a sacarose (açúcar de mesa) e frutose, que ocorre naturalmente em frutas, mas que nós principalmente consumimos como adoçante, tal qual a frutose do xarope de milho, adicionados aos alimentos e bebidas.

O que eles descobriram foi que os açúcares adicionados foram significativamente mais prejudiciais. A frutose estava ligada a um agravamento dos níveis de insulina e piora na tolerância à glicose, que é um indutor para a pré-diabetes. Causou armazenamento de gordura visceral prejudicial no abdômen e promoveu vários marcadores de uma saúde precária como inflamação e pressão arterial elevada. “Nós mostramos claramente que o açúcar é o principal motor da diabetes”, diz o principal autor do estudo James J. DiNicolantonio, um cientista de pesquisa cardiovascular no Mid Institute de Saint Luke American Heart. “Uma caloria de açúcar é muito mais prejudicial”.

DiNicolantonio e seus colegas autores dizem que as orientações dietéticas atuais são prejudiciais, uma vez que recomendam níveis de consumo de açúcar que não são saudáveis. Por exemplo, o Instituto de Medicina diz que a adição de açúcar pode chegar a até 25% do total de calorias que consumimos, e as Diretrizes de Dietas de 2010 para os americanos diziam que até 19% das calorias de açúcares adicionados estava de bom tamanho. Isso varia muito, de acordo com a American Heart Association, que recomenda não mais de 6 colheres de chá de açúcar por dia para mulheres 9 colheres de chá para os homens. A Organização Mundial da Saúde propôs que a adição de açúcar representasse apenas 5% das calorias diárias de uma pessoa.

O açúcar também é a principal causa da obesidade, segundo estudo
O açúcar também é a principal causa da obesidade, segundo estudo

“Os estudos que nós verificamos mostraram claramente que o consumo de 18 por cento em comparação com apenas 5 por cento de calorias totais de açúcar, provoca danos metabólicos significativos na promoção do pré-diabetes e diabetes”, diz DiNicolantonio. “Na verdade, há um aumento no risco de duas vezes”.

Esta não é a primeira vez que o açúcar tem sido apontado como um principal culpado de má saúde do americano. Outros pesquisadores já divulgaram a mensagem de que tanto os carboidratos refinados , como adição de açúcares é que são os problemas.

“Precisamos entender que não é o consumo exagerado de calorias que leva à obesidade ou diabetes. Precisamos mudar este enfoque”, diz DiNicolantonio. “Os carboidratos refinados e açúcares adicionados é que conduzem à resistência à insulina e diabetes, o qual conduz a níveis elevados de insulina, e que por sua vez, conduz à obesidade.”

DiNicolantonio recomenda mudanças importantes para combater o problema. Ele diz que o governo deve deixar de subsidiar o milho que faz com que o xarope de milho seja tão barato, mas sim subsidiar alimentos saudáveis ​​para que os consumidores sejam incentivados a fazer a troca de alimentos processados ​​por alimentos integrais, já que é o material processado que está adicionando tanto açúcar em nossas dietas. Ele acrescenta que, em sua opinião, bebidas adoçadas com açúcar não deveriam ser vendidas em escolas ou hospitais e que o governo deveria colocar etiquetas de advertência sobre eles.

Tais alterações não são previstas para um futuro imediato, mas se o açúcar é de fato a causa número um para o aumento de casos de diabetes entre todos os outros alimentos, será preciso tomar medidas mais rapidamente para ajudar a população a reduzir esse risco. Especialmente porque não há nenhuma necessidade real para adição de açúcar em nossas dietas.

 

http://time.com/


Similar Posts

Topo