Quais os benefícios que o pepino proporciona à nossa saúde?

O pepino é um membro da família de botânicos Cucurbitaceae, juntamente com o melão e melancia. Composto por 95% de água, os pepinos são naturalmente pobres em calorias, gordura, colesterol e sódio.

Seu alto teor de água ajuda a evitar a desidratação e combate o calor, enquanto seu sabor refrescante e leve é mais um apelo aos comedores de picles.

Análise nutricional do pepino

O pepino é composto de 95% de água e, naturalmente, possui baixo índice de calorias, gordura, colesterol e sódio.

De acordo com o Banco de Dados Nutricional dos EUA, 1 xícara de pepino cortado cru com casca (aproximadamente 119 gramas) contém 115 gramas de água, 16 calorias, 0,8 gramas de proteína, 0,2 gramas de gordura e 2,9 gramas de carboidratos (incluindo 0,9 gramas de fibra e 1,8 gramas de açúcar.

Um copo de pepino fornece 11% de vitamina K, 4% de vitamina C, magnésio, potássio e manganês e 2% de vitamina A, tiamina, riboflavina, B-6, ácido fólico, ácido pantoténico, cálcio, ferro, fósforo, zinco e cobre necessário para o dia.

Pepinos contêm também lignanas, que pesquisa demonstraram diminuir o risco de doença cardiovascular, bem como vários tipos de câncer.

Possíveis benefícios de saúde do consumo de pepino

Consumir frutas e legumes de todos os tipos tem sido associado com uma redução do risco de muitas condições adversas de saúde. Muitos estudos têm sugerido que o aumento do consumo de alimentos vegetais como o pepino diminui o risco de obesidade, diabetes, doenças do coração e mortalidade global, promovendo uma aparência saudável, aumento de energia, e peso total inferior.

Hidratação

Composto principalmente de água e cheio de eletrólitos importantes, o pepino é um alimento perfeito para ter na mão durante os meses quentes de verão a fim de evitar a desidratação. Adicionar o pepino à água é uma ótima maneira de aumentar o consumo de água também.

Pele

Quando usado topicamente, o pepino tem um efeito refrescante e calmante, diminui o inchaço, irritação e inflamação. Fatias de pepino podem ser colocadas sobre os olhos para diminuir o inchaço da manhã ou colocadas sobre a pele para aliviar e tratar a queimadura solar .

Saúde óssea

Baixa ingestão de vitamina K têm sido associado a um maior risco de fratura óssea. Adequada ingestão de vitamina K pode ser obtida pela ingestão adequada de frutas e vegetais (uma xícara de pepino fornece 11% das suas necessidades diárias) e é importante para melhorar a absorção do cálcio que é  essencial para a saúde óssea ideal.

Como incorporar mais pepino em sua dieta

Pepinos devem ser armazenados na geladeira por até uma semana para manter a sua frescura. Alguns pepinos são tratados com um revestimento de cera, após serem colhidos; não lave estes antes de guardar, mas não se esqueça de lavar bem ou descascar antes de consumir. Evite pepinos com pontas que estão amassadas ou murchas.

Pepinos são melhores quando consumidos crus e têm um sabor suave e uma crocância que lhes torna um ótimo complemento para qualquer salada ou sanduíche.

salada de pepino
Pepino faz uma grande adição a qualquer salada ou sanduíche.

  • Experimente misturar pepino fatiado, tomate e queijo fetá em um prato de culinária grega
  • Sofistique sua água através da adição de folhas de hortelã e pepino para um tratamento refrescante
  • Corte o pepino em fatias finas e mergulhe-os em seu hummus favorito.

Riscos potenciais para a saúde do consumo de pepino

Um grupo de trabalho especializado em meio ambiente, a cada ano produz uma lista de frutas e legumes com os mais altos níveis de resíduos de pesticidas, conhecido como o Dirty Dozen.

Pepinos estão no topo da lista de resíduos de pesticidas dos produtos. Este grupo sugere que você compre orgânicos para garantir um menor risco de exposição a pesticidas. Se você não puder pagar pelos orgânicos, não se preocupe; o benefício nutricional de comer os pepinos cultivados convencionalmente (não-orgânicos) supera em muito o risco de não comer o produto em si.

É a dieta total ou padrão global de alimentação que é mais importante na prevenção de doenças e alcance de  uma boa saúde. É melhor comer uma dieta com uma variedade de produtos em vez de se concentrar em alimentos individuais como chave para uma boa saúde.

Megan Ware, RDN, LD, dietista certificada e nutricionista

http://www.medicalnewstoday.com/


Similar Posts

Topo