Por que é importante administrar o estresse quando você tem diabetes

Por que é o estresse tão prejudicial?

É sabido que o estresse pode causar alterações físicas, como dores de cabeça, tensão muscular, alterações de humor, pensamentos negativos, alterações nos padrões de sono, bem como padrões alimentares, batimentos cardíacos irregulares, e muitas outras mudanças. Também pode fazer você sentir-se cansado ou fatigado, deprimido, e menos capaz de lidar com os desafios da vida diária.

De acordo com o livro Uma vida saudável com condições crônicas, da Dra. Kate Lorig, et al, outro resultado desafiante de muito estresse para as pessoas com diabetes é que o estresse pode fazer com que nossos corpos produzam hormônios que aumentem os nossos níveis de açúcar no sangue. É importante que as pessoas reconheçam quando o estresse está se tornando um problema, a fim de que possam recuperar o controle e reduzir tanto o seu estresse quanto os níveis de açúcar no sangue.

Associação Americana de Diabetes diz que, além de alterar os níveis de glicose no sangue diretamente, as pessoas com diabetes sob estresse podem não cuidar bem de si mesmas. Elas podem beber mais álcool ou fazer exercícios de menos. Elas podem esquecer, ou não ter tempo, de verificar seus níveis de glicose ou planejar boas refeições.

Quais são as maneiras seguras e saudáveis ​​de lidar com o estresse?

O Programa de Autogestão para Doenças Crônicas da Universidade de Stanford em relação ao Diabetes nos diz que existem muitas estratégias saudáveis ​​para controle do estresse.

  • Exercícios: Diminui os hormônios do estresse e os níveis de glicose no sangue.
  • Journaling (diário): A pesquisa mostra que a expressão de pensamentos estressantes e sentimentos no papel reduz os níveis de estresse prejudiciais.
  • Converse com um amigo ou um conselheiro de confiança: Esta é outra excelente maneira de liberar o estresse, pensamentos e sentimentos preocupantes em aberto.
  • Risos: Não há nada como um filme engraçado ou um momento alegre com os amigos ou família para superar os pensamentos e sentimentos difíceis – e que poderia mudar a sua resposta física também. É bem sabido que o riso reduz hormônios de estresse e pode contribuir para reduzir os níveis de glicose no sangue.
  • Meditação e oração: Conectando-se a uma crença religiosa qualquer e / ou espiritual, ou calmamente refletir sobre a vida pode ser uma fonte positiva para redução do estresse.
  • Exercícios de relaxamento: relaxamento muscular progressivo, imaginação guiada, visualização e exercícios de alongamento suaves como yoga, tai chi e qi gong proporcionam um alívio do estresse crônico ou agudo. Existem muitos DVDs maravilhosos de relaxamento no mercado. Pesquise algumas opções online e encontre um que funcione para você.

 American Diabetes Association nos lembra que podemos cuidar de nossos níveis de estresse em dois aspectos importantes:

  1. Nós podemos fazer mudanças quando nos tornamos conscientes de que algo nos incomoda. Se o tráfego urbano lhe perturba, por exemplo, talvez você possa encontrar uma nova rota para o trabalho ou sair de casa cedo o suficiente para não pegar os engarrafamentos. Se seu trabalho te leva a loucura, solicite uma transferência, se puder, ou, eventualmente, discuta com seu chefe como melhorar as coisas. Como último recurso, talvez você possa procurar outro emprego. Se você estiver em desacordo com um amigo ou parente, você pode dar o primeiro passo para consertar as coisas. Para tais problemas, o estresse pode ser um sinal de que algo precisa mudar.
  2. Podemos cultivar um estilo de enfrentamento eficaz. Analisar globalmente o problema é uma forma como a pessoa lida com o estresse. Por exemplo, algumas pessoas têm uma atitude de resolução de problemas. Eles dizem para si mesmos: “O que posso fazer em relação a este problema?” Elas tentam mudar sua situação para se livrar do estresse. Outras pessoas preferem se conformar com o problema. Elas dizem para si mesmo: “Este problema realmente não é tão ruim, afinal.” Estes dois métodos de enfrentamento geralmente são úteis. As pessoas que os usam tendem a ter menor elevação da glicose no sangue em resposta ao estresse mental.

Algumas pessoas costumam dizer que o uso do álcool pode reduzir o estresse. A Michigan State University Extension salienta que, se você tem diabetes, é importante saber que o álcool pode levar a uma baixa de açúcar no sangue (hipoglicemia), algo que os diabéticos querem evitar. O álcool também pode causar outros problemas tais como o sono, que é um depressor. Não é uma escolha saudável para o gerenciamento do estresse.

Conheça outras maneiras de lidar com o estresse em geral e com o estresse influencia em seu Diabetes no site da American Diabetes Association em http://www.diabetes.org/living-with-diabetes

 

http://msue.anr.msu.edu/


Similar Posts

Topo