Jogador profissional de futebol americano é cortado após o diagnóstico de diabetes

O jogador de defesa de futebol americano Kyle Love foi diagnosticado com diabetes tipo 2 na semana retrasada. Em resposta a seu diagnóstico, seu time, o New England Patriots, dispensou o profissional, que já atuava por quatro anos pelo time, na última quarta-feira com a justificativa de lesão não proveniente do futebol, de acordo com Mike Reiss de ESPNBoston.com.

Não foi o jogo de Love em campo que foi um enorme problema. Ele chegou à equipe através de um agente em 2010, e trilhou bem o seu caminho até tornar-se titular na décima primeira partida da última temporada. O Patriots recompensou Love por isso com uma extensão do contrato por mais dois anos, que incluiu um bônus de $ 500.000. Love, até então, correspondeu com  boas performances participando efetivamente da boa campanha do Patriots em 2012.

O agente de Love, Richard Kopelman, disse que seu cliente perdeu peso enquanto fora da temporada, mas ele recuperou o peso rapidamente após o diagnóstico, completou.

“Naturalmente, ficamos desapontados com o Patriots que decidiu dispensar Kyle, especialmente à luz do fato de que um número de atletas profissionais de elite, possuem diabetes – até mesmo do tipo 1, que é conhecido por ser muito mais difícil de controlar do que o tipo 2 da diabetes – e tiveram carreiras bem sucedidas no futebol profissional, hóquei, beisebol e basquete “.

Kopleman acredita que o Love vai estar  100 por cento em breve e deve estar pronto para participar de um treinamento em campo. O Patriots resolveu reformular seu esquema defensivo nesta baixa temporada, liberando além de Love, Brandon Deaderick e Myron Pryor. Eles, porém contrataram Tommy Kelly , CFL e estão na perspectiva de Armond Armstead .

A notícia sobre Love veio ao final de um dia bizarro que também incluiu as aposentadorias de Rolando McClain e David Garrard . Quem disse que maio é um mês morto no calendário da NFL?

 

http://www.nfl.com/


Similar Posts

Topo