Ser Diabético é Muito Chato

O Diabetes é uma doença que hoje acomete ao menos 10% da população brasileira, ou seja, no mínimo 20 milhões de pessoas.

Sou uma delas. É um fator genético, associado a tipos de vida como sedentarismo, dieta desregulada, etc. etc..

Dom Pedro II era diabético, e veio a falecer em função da doença antes dos 70 anos de idade.

Daquela época para hoje são imensos os avanços da Ciência nesta área.

A produção de insulinas associadas com outros fármacos tem controlado bastante o diabetes.

Mas não resolve.

Se querem saber, é muito chato ter que tomar este monte de remedinhos, e mais a insulina líquida.

Eu me pico pela manhã com um tipo que tem duração de 24h. E durante o dia torno a me picar com um outro tipo às refeições.

É muito chato. Mas o pior é que o tal controle acontece volta e meia. Mais meia que volta.

Qualquer coisa descontrola a glicose no sangue: aborrecimentos, estresse, infecções, gripes…como não viver sem isto no mundo moderno?

Sem contar que bastam apenas  três biscoitinhos de maizena comidos distraídamente, sem controle da glicose, pra provocar o descontrole.

Mas há uma grande vantagem na doença crônica: ela te mantém atento o tempo todo à sua saúde em geral. Você tem que estar sempre fazendo todos os exames e controlando  todas as suas taxas.

Já li , não lembro onde, um texto que dizia: “Queres ter uma vida longa e saudável? Arranja uma doença crônica.”

 

Bemvindo

Bemvindo Sequeira
É ator, autor, produtor e diretor de teatro, cinema e televisão.
Nascido em Carangola, MG e Cidadão de Salvador – Bahia. Desde 2005,é contratado da Rede Record.
Contato: bemvindo@r7.com
http://www.bemvindo.art.br

 

http://entretenimento.r7.com/


Similar Posts

Topo