Novos alvos terapêuticos para diabetes tipo 2

A incidência de diabetes continua a crescer em taxas alarmantes.Segundo o Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais, a doença já afeta cerca de 25,8 milhões de americanos. Em 2007, o Instituto Nacional de Saúde dos EUA, estimou que os custos diretos e indiretos da diabetes foram impressionantes US $ 174 bilhões.

A diabetes tipo 2, que é um usualmente um resultado da obesidade, ocorre quando o corpo produz insulina, mas não pode usá-la adequadamente (resistência à insulina) ou o corpo não produz insulina suficiente. O corpo necessita de insulina para absorver a glicose e gerar energia. Se o corpo não produz ou responde à insulina de forma apropriada, ele pode, com o tempo, levar a várias complicações, como doenças cardiovasculares, danos nos nervos, doença renal e cegueira.

Pesquisas anteriores mostraram que as células B, que são as células brancas do sangue do sistema imunológico, promovem inflamação e podem levar ao desenvolvimento de diabetes do tipo 2, mas os mecanismos subjacentes à função das células B não eram muito claras.

O resultado deste estudo lança luz sobre esta questão e indica que as células B segregam uma relação de pro-inflamatória de proteínas chamadas citoquinas, que promovem diretamente a resistência à insulina, o que caracteriza a diabetes tipo 2. Os investigadores também demonstraram que as células B regulam diretamente as células T inflamatórias, um tipo de células, do sistema imunológico, conhecidas por causar resistência à insulina em modelos de animais com a doença.

“Agora que identificamos os mecanismos específicos pelos quais as células B promovem inflamação, isto poderá nos ajudar a desenvolver novas abordagens direcionadas para o tratamento da diabetes tipo 2”, disse Nikolajczyk. “O nosso estudo apoia a exploração contínua de fármacos de deplição de células B aprovados pelo FDA, que são conhecidos como sendo seguros e eficazes, como novos agentes para prevenir a obesidade associada a esta inflamação e ao diabetes do tipo 2.”

 

http://www.sciencedaily.com/


Similar Posts

Topo