Investigação portuguesa premiada

Uma investigação portuguesa sobre um novo método de auxílio de diagnóstico de determinadas doenças, como a diabetes, foi premiada com o «Best Student Paper Award» (melhor artigo científico) na Conferência Internacional Bioinformatics 2012.

O estudo, liderado por Edite Figueiras, doutoranda em engenharia biomédica, foi iniciado há quatro anos no Centro de Instrumentação da Universidade de Coimbra e financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

A análise partiu de um protótipo de produto que mede, com rigor, o fluxo sanguíneo, nos vasos mais pequenos da pele, os mais difíceis de medir. Este protótipo (fluxómetro a laser) envia e recebe informações sobre a sua interacção com os glóbulos vermelhos, avaliando a velocidade de circulação do sangue.

O Congresso Internacional de Bioinformática reúne investigadores e profissionais de todo o mundo de várias áreas do conhecimento.

(c) PNN Portuguese News Network


Similar Posts

Topo