Blog – Parte 19 – Em busca de TiaBeth

Após recuperar-se da hipoglicemia, TiaBeth não lembrava onde o carro estava estacionado
Após recuperar-se da hipoglicemia, TiaBeth não lembrava onde o carro estava estacionado

Já faz quinze anos que jogo futebol sempre às segundas feiras pela noite. Nesta semana um “companheiro de pelada” que já não comparecia há algum tempo, apareceu e perguntou-me se minha esposa estava bem. Estranhei a pergunta, pois não sabia que ele conhecia TiaBeth, quando falou: “Não lembra que encontrei vocês no Alemão“?! Imediatamente recordei-me da situação daquele encontro que agora conto a vocês.

Durante os dias de jogos da Copa do Mundo no Rio de Janeiro, a prefeitura decretava ponto facultativo. Uma das partidas cairia na quinta feira, em véspera de um feriado, o que deixaria o fim de semana bem prolongado. Então ainda pela quarta feira, eu e TiaBeth resolvemos nos antecipar e pegar a estrada rumo a Nova Friburgo por volta da hora do almoço. Porém logo ao sairmos de casa nos depararmos com intenso trânsito, pois milhares de pessoas tiveram a mesma ideia de deixar o Rio nesta hora. Mesmo os atalhos que conhecia estavam engarrafados, o que transformou o início de nossa viagem em uma fuga agonizante.

Apesar do curto percurso, necessariamente teríamos que almoçar pelo caminho, pois já estava ficando tarde e nada tínhamos comido até então. E após quase duas horas no trânsito, resolvemos parar na Casa do Alemão, restaurante na beira da estrada muito conhecido e frequentado pelos cariocas, ainda bem próximo à cidade.

Ao chegarmos, o estacionamento estava lotado e depois de esperar por uma vaga, parei e saltei ansioso para matar a fome. Já TiaBeth não saiu do carro. Retornei e percebi ela ainda sentada no banco meio desorientada, em pleno episódio de hipoglicemia, muito provavelmente por nada ter ingerido pelo tempo que passamos no trânsito.

Mas o caso não era grave. Tirei-a do carro com cuidado e a conduzi até o restaurante. Havia muita gente, e mesmo assim consegui uma pequena mesa na qual acomodei TiaBeth e pedi uma coca-cola para fazê-la retornar aos níveis normais de glicose. E após tudo normalizado, fizemos nossas deliciosas refeições em meio ao grande movimento. Ao final, ela levanta e diz:

– Eu vou até o toilette lavar as mãos e tomar insulina. 😮

– Tá bom. Eu vou para o carro ficar te esperando. 😮

Dentro do carro, fiquei aguardando TiaBeth que estava levando mais tempo do que o habitual. Fui ficando estressado com a demora e depois de mais de 20 minutos esperando, já com uma fila de carros aguardando meu lugar, ligo o automóvel e saio da vaga em sua procura pelo enorme estacionamento. Eu a avisto de longe, porém devido à confusão dos veículos em buscas das vagas, eu não conseguia chegar até onde ela estava.

TiaBeth no Restaurante Alemão em um dia sem movimento.
TiaBeth no Restaurante Alemão em um dia sem movimento.

Tive então a “brilhante” ideia de buzinar para chamar sua atenção, mas por estar longe, ela não me percebia e os motoristas próximos ficavam muito aborrecidos comigo. Então, numa atitude extrema, abandonei o carro ligado no meio do pátio e saí correndo em direção de TiaBeth, gritando-lhe pelo nome feito um louco varrido.

Felizmente TiaBeth ouviu, atendeu ao chamado e retornou comigo ao automóvel que estava atravancando tudo no local. Já na estrada, ela disse-me que depois de sair do banheiro ficou a minha procura pelo pátio, pois não sabia onde eu havia estacionado. Daí lembrei-me que ao chegar ao Alemão, ela estava meio hipoglicêmica e não se lembraria onde eu havia deixado o carro, justo o que ocorreu. De repente tudo se justificou, mas o estresse já estava instalado e aquele estado de ânimo perdurou por mais alguns quilômetros da viagem. 🙁

– Hoje aquele meu amigo que te conheceu lá no Alemão perguntou por você. 😮

– Amigo?? que amigo? 🙄

 

marido-tiabethNey Limonge é psicanalista, engenheiro elétrico e casado com Raquel Limonge, diabética do tipo 1 e protagonista das suas histórias. Escreve o blog Psicoanalisando quando lhe sobra tempo e também o  Blog da TiaBeth. Ele não tem diabetes.


Similar Posts

Topo